Pesquisa no blog

Carregando...

domingo, 6 de março de 2011

ORLANDO BOYER




EXEMPLO DA VIDA CRISTà

Resultado de imagem para orlando boyer

(Nota: Sugerir uma tradução melhor)

Orland Spencer Boyer ,  Nasceu em 05 de Marco de 1893, natural de Bedford, Iowa, ESTADOS UNIDOS, foi casado com Ethel Beebe (casou-se em Março de 1914). 

Ministério : Em 1927, Chegou ao Brasil, Dedicado ao Ministério de anunciar a Palavra de Deus, indicado Pelo conselho Missionário da Igreja Unidas de Cristo, denominação a que pertenciam.
Em Pernambuco, OS Boyer   passaram um ano Estudando a Língua Portuguesa, aprimorando-se na maneira de falar com os  nordestinos. 

  Em Mata Grande, Sertão de Alagoas, passaram quatro anos abrindo trabalhos. Boyer contava Que alcançara o domínio da língua nos diálogos comas  alegres e   boa gente brasileira.
  Durante viagens a pé ou num cavalo, como um evangelista.
de Alagoas, seguiu para o Ceará, visitando algumas cidades completamente hostis ao evangelho. Num esforço Pioneiro, abriu Trabalhos ao Longo da via férrea em 14 Localidades cearenses, Sem relutância Fúria enfrentando um dos Inimigos do Evangelho. 
 Nesse ritmo, no entanto, Orlando Boyer Ainda não era batizado no Espírito Santo. 
Pela Revelação divina, leu uma Bíblia Seis Vezes Durante Três Meses.
 Na Leitura, encontrou uma promessa do derramamento do Espírito Santo em Atos.Mesmo sem saber do que se tratava, resolveu pedir a Deus o Batismo pentecostal . Pouco tempo depois, testificava da Benção recebida a qualquer uma Pessoa Que procurasse. Nessa ocasião,os  Missionários Virgílio Smith e Bernhard Johnson, estavam em outra denominação que não era do Brasil ,   ouviram o Testemunho e repartiram com aquele Homem e uma nova com o casal Boyer. Intrigados com o Fato, Smith e Johnson começaram uma Buscar Mais ardentemente o Poder de Deus, alcançando também a promessa.
Profundamente comovido, Orlando Boyer retornou aos Estados Unidos em  Maio de 1935. Lá, Foi sua   esposa "não batizada Espírito Santo em uma reunião em Oklahoma. Pouco tempo depois, Na Igreja de Peoria,em Tulsa, um elemento teve a mesma  Experiência .Esses  Fatos  "trouxeram uma certa mudança na vida do casal missionário .
  Os Dois tiveram Que se filiar à Assembléia de Deus em  Oklahoma. Foi o Departamento de Missões da AD Que todos OS Novamente enviou ao Brasil. 
Boyer recomeçou Seu Trabalho no Ceará. Passou dez anos Apresentação Ali, Plantando e colhendo na Seara do Mestre. DEPOIS, rumou para Santa Catarina,onde  permaneceu três anos trabalhando obra e traduzindo textos para o português.
 Foi nesse período que Orlando Boyer foi  convidado a ministrar seus ensinamentos através da CPAD.
Desprezou regalias, sacrificou o conforto, mas permaneceu firme em seu oficio em que começou, uma doença de sua esposa levou o de volta aos  ESTADOS UNIDOS. Lá, a Irmã  Ethel faleceu 14 de Outubro de 1967. 
Sabendo Que Os anos Dedicados A Obra Missionária já lhe garantiam uma aposentadoria e Que por isso, o Departamento de Missões não custearia sua Volta ao Brasil, o incansável obreiro Tomou o Dinheiro Destinado Às despesas fúnebres Que lhes estava Garantido Pelo Seguro E O empregou naCompra Passagem de UMA par o Rio de Janeiro. Mais Tarde, justificou um SUA Conduta Carta UMA EM: "Eu Sabia Que vocês pagariam o funeral, MAS Jamais sabia  que me enviariam de volta ao Brasil".

No Brasil, Orlando Boyer teve como experiências mais gratas com Deus. Experimentou um elemento mesmo de  cura divina, quando uma enfermidade ameaçava paralisar as SUAS Pernas. Durante UMA grande seca sem Ceará, Experimentou o Milagre da Multiplicação de Pães, quando Filas de PESSOAS famintas se amontoaram à SUA porta, saciando fome SUA.
Orlando Boyer renunciou Toda uma Espécie de regalias e custeou Pessoalmente Publicação de Livros Novos, economizando DINHEIRO JÁ de Obras publicadas. Nas SUAS Últimas Horas de Vida,  Ainda pensou Novos Livros evangélicos para o Brasil, Mas não havia tempo Mais. MESMO ASSIM, seus esforços não foram em vão.
Publicou 131 Obras, Sendo 16 de Autoria e SUA como OUTRAS Traduções Feitas Por ele.
Em 21 de abril de 1978, nos ESTADOS UNIDOS, partiu "Para Onde A Cidade como Lágrimas não  correm e o Descanso é eterno".

Autoria : Articulista do Jornal Mensageiro da Paz, Comentarista de Lições Bíblicas, Publicou 131 de obras (16 de Autoria e SUA como OUTRAS ERAM Por elementos Feitas Traduções), Heróis da Fé - CPAD, 150 Estudos e Mensagens - CPAD, Espada Cortante - Volumes 1 e 2 - CPAD, Pequena Enciclopédia Bíblica - Toda, CPAD uma Família - CPAD.

Orlando Boyer Dedicou 51 Anos de Vida SUA à Causa do Mestre no Brasil.

http://jonatasvidal.blogspot.com/2009/05/exemplo-da-vida-crista-orlando-boyer.html

Orland Spencer Boyer (Conhecido como Orlando Boyer pelos Brasileiros). Nasceu no dia 05 de Março de 1893. Era natural de Bedford, Iowa, Estados Unidos.

Em 1927, chegou ao Brasil, dedicado ao ministério de anunciar a Palavra de Deus, indicado pelo Conselho Missionário da Igreja de Cristo, denominação à qual pertenciam.

Foi casado com Ethel Beebe (casou-se em Março de 1914). Orlando Boyer faleceu no dia 21 de Abril de 1978 nos Estados Unidos.

Dedicou 51 anos de sua vida à causa do Mestre no Brasil

No Brasil, Orlando Boyer teve as mais gratas experiências com Deus. Ele mesmo experimentou a cura divina, quando uma enfermidade ameaçava paralisar as suas pernas.

- Durante uma grande seca no Ceará, experimentou o milagre da multiplicação de pães, quando filas de pessoas famintas se amontoaram à sua porta, saciando sua fome.

- Orlando Boyer renunciou a toda espécie de regalias pessoais e custeou a publicação de novos livros, economizando dinheiro de obras já publicadas.

- Nas suas últimas horas de vida, ainda pensou em novos livros evangélicos para o Brasil, mas não havia mais tempo.

- Mesmo assim, seus esforços não foram em vão.

- Ele publicou 131 obras, sendo 16 de sua autoria e as outras traduções por ele feitas.

- Em 21 de abril de 1978, nos Estados Unidos, partiu "para a cidade onde as lágrimas não correm e o descanso é eterno".

- Abriu vários trabalhos evangelísticos no Nordeste
.



http://assembleianospuritanos.blogspot.com/2011/04/biografia-orlando-boyer.html


Orland Boyer nasceu em Bedford, Iowa, no dia 05 de março de 1893. Em 1927, chegou ao Brasil, indicado pelo Conselho Missionário da Igreja Unida de Cristo, denominação à qual pertencia. Foi casado com Ethel Beebe (casou-se em Março de 1914). Em Pernambuco, os Boyer passaram um ano estudando a língua portuguesa[3]. Em Mata Grande, sertão de Alagoas, passaram quatro anos abrindo trabalhos. Boyer alcançou o domínio da língua nos diálogos com os brasileiros durante as viagens a pé ou a cavalo, como um evangelista. De Alagoas, seguiu para o Ceará. Pioneiramente, abriu trabalhos ao longo da via férrea em quatorze localidades cearenses.
É propagado no meio evangélico que, 1930Virgil Smith, então com 25 anos, e sua esposa foram feitos reféns de Lampião e seu bando, embora não existam fontes historiográficas que comprovem tal acontecimento, sendo ele citado em blogs sobre religião, provavelmente como forma de pregação na Internet[4]. Segundo a história contada, Orlando Boyer foi comunicado que, para obter a libertação do amigo, teria de pagar uma elevada quantia. Em razão das dificuldades econômicas da época, Boyer conseguiu reunir apenas uma fração mínima da quantia exigida. Mesmo assim, o líder dos cangaçeiros libertou o casal refém.
Retornou aos Estados Unidos em maio de 1935. Lá, sua esposa recebeu o batismo pentecostal em uma reunião em Oklahoma. Pouco tempo depois, na igreja de Peoria, em Tulsa, ele fez o mesmo. Os dois se filiaram à Assembleia de Deus. Foi o Departamento de Missões da mesma igreja que os enviou novamente ao Brasil.
Boyer recomeçou seu trabalho em Camocim, no Ceará, em 1938. Passou dez anos pregando no estado, depois rumou para Santa Catarina, onde permaneceu três anos pregando e traduzindo textos para o português. Foi nesse período que Boyer foi convidado a ministrar suas pregações através da Casa Publicadora das Assembleias de Deus. Ele continuou no Brasil até que, em razão de uma enfermidade da sua esposa, decidiu retornar aos Estados Unidos. Lá, sua esposa faleceu em 14 de outubro de 1967. Voltou ao Brasil, onde faleceu aos 85 anos de idade.



Nenhum comentário:

Postar um comentário